Seis meses depois, o banco liderado por Pablo Forero volta a reduzir a taxa de juro do crédito à habitação. Iguala o "spread" oferecido pelo Novo Banco e deixa a CGD "sozinha" com a margem mais elevada do sector. O BPI desceu, esta quarta-feira, o "spread" mínimo e igualou a oferta do Novo Banco: 1,5%. Ao mesmo tempo, deixou a CGD sozinha no lugar de banco com a taxa mais elevada para a compra de casa.

O banco liderado por Pablo Forero reviu pela segunda vez, no espaço de seis meses, a sua oferta no crédito à habitação. De acordo com a informação disponibilizada no preçário, o BPI avançou, esta quarta-feira, com urna descida do "spread" mínimo de 1,75% para o 1,5%. Isto depois de, em Maio, ter reduzido a margem mínima de 1,95% para 1,75%.

Ler mais: BPI entra na "guerra" e corta spread da casa

Visite-nos

Rua Eça de Queiroz, 11 - 3º Dto,
1050-095 Lisboa

Mapa
Contacte-nos

 
 

E-mail: comercial@aimob.pt
Horário

 
 

Segunda - Sexta: 09:00 - 18:00